Os novos exoplanetas foram identificados de uma lista de 275 candidatos, dos quais foram validados 149 como verdadeiros. Contudo, destes apenas 95 eram novos.

Os resultados da descoberta, que envolveu uma equipa internacional de astrónomos a analisar os dados, foram publicados na revista científica Astronomical Journal.

Os 95 planetas extrassolares vêm engrossar a lista de exoplanetas, que totalizam 3.600 com tamanhos variáveis entre Terra e Júpiter.

O telescópio Kepler foi lançado em 2009 para 'caçar' exoplanetas numa determinada zona do céu.

Os planetas extrassolares são detetados a partir da redução do brilho da estrela-hospedeira quando o planeta passa em sua frente (método de trânsito).

Com o novo telescópio espacial James Webb, cujo lançamento está previsto para 2019, com um ano de atraso, os astrónomos esperam estudar e caracterizar melhor exoplanetas do tamanho da Terra capazes de eventualmente suportar vida tal como se conhece.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.