A invenção dos investigadores da Universidade de Lancaster, no Reino Unido, pode ser utilizada com ecrãs de televisão e de outros tipos, chama-se "Matchpoint" e funciona recorrendo a câmaras "webcam".

No canto do ecrã surge um pequeno ponto em torno do qual há várias funções que podem ser ativadas por movimentos para cima, para baixo ou para os lados.

O programa não tem definido um objeto ou a parte do corpo a cujos movimentos responde. Reconhece, sim, os movimentos na direção que cada função tem atribuída.

Além da televisão, a tecnologia, que será apresentada no Quebeque, Canadá, este mês, é compatível com outros écrãs, permitindo, por exemplo, cozinhar uma receita seguindo um vídeo tutorial no Youtube e poder voltar atrás no vídeo sem ter que largar os utensílios de cozinha ou lavar as mãos.

Para desassociar um objeto da função de comando, basta tirá-lo do alcance do "Matchpoint".

"Os objetos quotidianos em casa podem agora tornar-se facilmente controlos remotos, que facilmente se perdem da vista", afirmou Christopher Clarke, da universidade britânica, acrescentando que "agora toda a gente na sala tem o comando, até se pode mudar o canal usando o gato".

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.