De acordo com o documento relativo aos resultados provisórios do terceiro concurso para atribuição de ateliês municipais, publicado pela Comissão de Análise, foram avaliadas cerca de 200 candidaturas de artistas de várias áreas, tendo ficado excluídos 36.

Entre os 47 artistas convidados a assinar contratos para arrendamento dos ateliês estão Ângela Ferreira, Vasco Araújo, Daniel Blaufuks, Bruno Cidra, João Queiroz, Adriana Molder, Pedro Barateiro, Salomé Lamas e Sara Bichão.

A Comissão de Análise atribuiu notas até vinte valores, e a decisão de exclusão de candidaturas prendeu-se com a falta de currículo, ou de outros documentos exigidos, ou ainda a falta de um projeto para o espaço.

O arrendamento é feito por quatro anos, nos termos e ao abrigo do disposto no Regulamento de Ateliês Municipais para as Artes, aprovado pela Deliberação n.º9/Assembleia Municipal/2010, de 26 de janeiro.

Os ateliês municipais em causa têm várias tipologias, e as rendas mensais variam entre os 105 e os 320 euros.

A Comissão de Análise foi presidida por Manuel Veiga, diretor municipal de Cultura, e teve, como vogais, Filipa Oliveira e Sara Antónia Matos (ambas por escolha da vereadora da Cultura, Catarina Vaz Pinto), Hugo Ferrão, em representação da Academia Nacional de Belas-Artes, João Paulo Queiroz, em representação da Sociedade Nacional de Belas-Artes, e, como suplentes, Laurentina Pereira, chefe da Divisão de Ação Cultural, e Artur Madeira, técnico superior da Divisão de Ação Cultural.

Os ateliês municipais são cedidos exclusivamente para efeitos de atividade artística no campo das artes plásticas, tendo em vista, entre outros objetivos, a promoção e o desenvolvimento da atividade artística na cidade de Lisboa.

De acordo com o regulamento, os artistas são selecionados pelo mérito do candidato aferido pelo curriculum vitae (40%), pela qualidade, singularidade e relevância do projeto artístico (40%), e pela adequação do candidato e do projeto artístico aos objetivos do presente concurso (20%).

As áreas em causa são as artes plásticas (desenho, pintura, gravura, escultura), multimédia, cinema, instalação, fotografia e som.

Os candidatos têm a possibilidade de pedir esclarecimentos sobre a sua pontuação e também de pedir recurso da decisão.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.