“Se quisermos acabar com a inocência das crianças…”, disse uma participante logo no início do encontro, “é deixá-las observar o ser humano”, completou Yara Monteiro.

“A inocência é o tema principal do livro”, considerou uma outra participante. A inocência nas suas várias formas: a das crianças, a dos adultos, a daqueles que dizem sempre aquilo que sentem.

Desta vez, no clube de leitura “É Desta Que Leio Isto”, estava em discussão “Mataram a cotovia”, de Harper Lee, um livro lançado nos anos 60 e que retrata a realidade social de uma pequena cidade no sul dos Estados Unidos durante a Grande Depressão.

Se nalguns momentos da sessão houve acordo (embora não necessário) sobre a interpretação das mensagens do livro, em várias ocasiões percebemos que a obra desperta sensações fortes e está longe de trazer respostas fechadas.

A conversa foi viajando da inocência para o conformismo, “mesmo das pessoas boas”, daí para as várias formas de preconceito retratadas no livro, passando, claro, pelo racismo, tema que ainda hoje torna a obra controversa, nomeadamente pela linguagem que é usada.

Yara Monteiro, por exemplo, considera que “para entender o racismo” este não é o melhor livro, “porque dá uma perspetiva limitada e não completa”.

Os paralelismos das situações vividas no livro com a atualidade e o nosso país também trouxeram debate. “As pessoas continuam na sua vidinha e não têm tempo para reparar nas injustiças. E muito menos vontade”, defendeu uma das participantes. A troca de ideias não ficou por aqui.

Para ouvir a conversa completa, basta clicar no player no início deste artigo. Se quiser fazer parte do nosso clube de leitura e discutir os próximos livros, junte-se ao grupo no Facebook.

A sessão de ontem foi moderada por Elisa Baltazar, do clube de escrita “O Primeiro Capítulo”, na companhia de Margarida Apuim, do SAPO24, e da convidada especial desta edição, Yara Monteiro, escritora e autora do livro “Essa dama bate bué!”.

Os próximos encontros já estão agendados e já se pode inscrever:

23 de julho | "A Máquina de Fazer Espanhóis", de Valter Hugo Mãe (inscreva-se através deste link)

27 de agosto | "Cem Anos de Solidão", de Gabriel García Márquez (inscreva-se através deste link)

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.