A nova longa-metragem do realizador português, rodada em Portugal, Angola, Estados Unidos e Brasil, conta no elenco com João D'Ávila, Adelaide João e Miguel Borges, entre outros, e com a participação de várias personalidades como o politólogo Jaime Nogueira Pinto, o bispo de Bragança, D. José Manuel Garcia Cordeiro, ou o antigo bastonário dos Médicos Germano Sousa.

Este é o 13º filme de Rui Goulart depois de “Em Obsessão” (1988), “Fábula em Veneza” (1991), “Abstrato” (1997), “Sem Destino - Lisboa Los Angeles...” (2000), “Pensão Internacional” (2002), “Estranhos Dias” (2003) e “1.ª Vez 16mm”, entre outros.

O filme “1.ª Vez 16mm” estreou-se em Portugal, no Brasil e foi o também o primeiro filme português a estrear comercialmente nos Estados Unidos, tendo ganhado vários prémios, tais como o prémio LAMA (Los Angeles Movie Awards) ou um “Golden Palm”, no México em 2013.

Em 2014 foi também premiado no IMA – International Movie Awards in Jakarta e, já em 2015, recebeu o prémio de melhor filme no Toronto International Film Awards.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.