O livro, que será publicado em dois volumes, trata-se do primeiro romance longo que o autor publica, depois de “A peregrinação do rapaz sem cor”, que chegou às livrarias japonesas em abril de 2013 e foi lançado em Portugal no ano seguinte pela Casa das Letras.

O novo trabalho do eterno aspirante ao Prémio Nobel da Literatura é o seu 14.º romance e chega depois de, em 2015, ter publicado “Homens e Mulheres”, uma coleção de seis relatos curtos, um inédito e cinco previamente publicados numa revista literária.

O autor do aclamado “Norwegian Wood” mantém por enquanto sigilo absoluto quanto ao enredo do seu novo romance, mas num recente evento ocorrido na Dinamarca reconheceu que será “uma história estranha

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.