Com "Cinzento e Negro", de Luís Filipe Rocha, a liderar os Sophia com 14 nomeações, a cerimónia será dedicada ao cinema e à televisão, numa alusão ao aniversário da televisão pública, com apresentação por conta da atriz Ana Bola.

Esta é a quinta edição dos Sophia, os prémios criados pela Academia Portuguesa de Cinema para distinguir o que se faz em cada ano no cinema português.

Entre as 14 nomeações de "Cinzento e Negro" estão as de Melhor filme, atriz e ator principal, com o elenco composto por Joana Bárcia, Miguel Borges e Filipe Duarte, bem como realização e argumento original para Luís Filipe Rocha.

A comédia "A mãe é que sabe", de Nuno Rocha, soma 12 nomeações, entre as quais Melhor filme, ator secundário (Carlos Santos e Adriano Carvalho), atriz secundária (Manuela Maria e Dalila Carmo) e argumento original (Roberto Pereira e Nuno Rocha).

"Cartas da guerra", de Ivo M. Ferreira, com Miguel Nunes e Margarida Vila-Nova, a partir da correspondência do escritor António Lobo Antunes durante a guerra colonial, tem 11 nomeações para os Sophia, também nas principais categorias.

José Fonseca e Costa está nomeado a título póstumo para melhor realizador a propósito de "Axilas".

Serão ainda atribuídos prémios noutras categorias, como documentário, curta-metragem de animação, banda sonora, fotografia e direção artística.

Durante a cerimónia, no Centro Cultural de Belém, o ator Ruy de Carvalho será homenageado com o Prémio Mérito e Excelência, pelos 75 anos de carreira.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.