Tendo em 2017 a sua quinta edição, o evento que nasceu da iniciativa privada e passou entretanto a ser organizado pela Câmara Municipal deve a sua designação oficial ao facto de distribuir os seus diversos palcos por vários espaços situados entre a Avenida 24 e a Alameda 8.

Ana Loureiro, chefe da Divisão de Eventos da Câmara Municipal de Espinho, defende que a evolução do festival tem sido "contínua e sustentada", o que atribui precisamente a essa dispersão física pelo centro da cidade e também a uma abrangência temporal que percorre o principal mês da época balnear local.

Ao reforçar o programa deste ano com "um cartaz de elevado valor artístico", a autarquia pretende assim afirmar o festival "como o grande momento de fruição cultural do território, num período em que esse é procurado por inúmeros turistas e visitantes".

Para isso, a aposta do OITO24 de 2017 é em "diferentes disciplinas e áreas de ação" - como música, teatro de rua, circo contemporâneo, gastronomia e cinema - e no "cruzamento de várias influências culturais e artísticas", o que resulta num programa "para vários públicos".

No caso da música, os principais concertos são os do grupo The Gift a 11 de agosto, Mafalda Veiga a 12, Fanfarra Kaustica a 15, Rodrigo Leão a 19, Sean Riley and the Slow Riders a 26 e D.A.M.A a 31.

A atuação dessa última banda enquadra-se, aliás, naquela que é a novidade deste ano e conta com o apoio do Casino de Espinho: um "Réveillon de Verão" com vários DJ ‘sets’ a partir das 18:30 e até uma contagem decrescente ao passar da meia-noite, na Praia da Baía.

Ainda no que se refere a música, o OITO24 inclui também a rubrica "Hábitos Musicais", que se propõe distribuir sonoridades de outras culturas por diferentes espaços da cidade. Será o caso da canadiana Hannah Epperson, dos brasileiros Samba sem Fronteiras, do espanhol Amorante, do guineense Kimmi Djabate e do angolano Chalo Correia, entre outros.

A componente de teatro de rua e circo contemporâneo também será internacional, anunciando, por exemplo, o coletivo francês Cie. des Quidans, os espanhóis Cirk About It e os italianos The Beat Brothers e Compagnia Omphaloz.

Quanto a gastronomia, o festival promete várias oficinas e sessões de ‘showcooking’ na rubrica "Fresquinho", que contará com convidados como a nutricionista Tânia Tinoco, a especialista em bolos Margarida Ribeiro ou os chefes Emídio Concha de Almeida, José Maria Lino e Dárcia Santos.

O cinema, por último, ficará representado com duas sessões promovidas pelos organizadores do festival de cinema de animação Cinanima: uma com as obras que nos últimos dez anos venceram nesse certame o Prémio Jovem Cineasta Português e outra com o filme "Capas Negra", lançado em 1947 e protagonizado pela fadista Amália Rodrigues.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.