Esta posição foi transmitida por António Costa numa conferencia de imprensa conjunta com o primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conti, em São Bento, depois de interrogado sobre a sua expectativa em relação à audição do seu ex-ministro das Finanças Mário Centeno no parlamento, na quarta-feira.

Mário Centeno vai ouvido na Comissão de Orçamento e Finanças da Assembleia da República – audição obrigatória por lei antes de poder suceder a Carlos Costa no cargo de governador do Banco de Portugal, embora não tenha tem caráter vinculativo.

“Tenho a certeza de que a audição do professor Mário Centeno confirmará o que todos os portugueses foram sabendo sobre ele ao longo destes cinco anos enquanto ministro das Finanças”, declarou António Costa.

O primeiro-ministro afirmou depois Mário Centeno é “um grande economista e um grande profissional que foi um excelente ministro das Finanças”.

“Portanto, tem todos os créditos para poder ser um excelente governador do Banco de Portugal”, acrescentou.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.