O suspeito, um jovem de 26 anos nascido nos Emirados Árabes Unidos, foi rapidamente controlado por traseuntes e preso depois do ataque em Barmbek, no estado alemão de Hamburgo.

O responsável pela Administração Interna de Hamburgo, Andy Grote, disse que o homem – cujo pedido de asilo tinha sido rejeitado – era conhecido das autoridades por se ter radicalizado, mas que não era considerado perigoso.

Grote disse que a razão do ataque continua ainda por definir, mas acredita que o jovem de 26 anos tenha agido sozinho, uma vez que não são conhecidas ligações a redes extremistas.

Além da pessoa que morreu, o jovem de 26 anos esfaqueou mais pelo menos cinco pessoas. De acordo com Andy Grote nenhum dos feridos corre risco de vida.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.