As ilhas do grupo Ocidental (Flores e Corvo) já estavam desde a manhã de hoje sob aviso amarelo referente a agitação marítima, que passará para aviso laranja entre as 18:00 de hoje e as 18:00 de domingo, devido às previsões de ondas de noroeste de sete a oito metros.

Depois, entre as 18:00 de domingo e as 00:00 de segunda-feira as ilhas das Flores e Corvo ficam sob aviso amarelo, por causa das previsões de ondas de seis a sete metros.

Já nas ilhas do grupo Central (Terceira, São Jorge, Pico, Graciosa e Faial), o aviso laranja de agitação marítima, com a previsão de ondas de noroeste de sete a oito metros, estará ativo entre as 06:00 e as 21:00 de domingo, passando para aviso amarelo até às 06:00 de segunda-feira.

As ilhas do grupo Central já estavam, desde as 10:00 de hoje, sob aviso amarelo por causa da precipitação, por vezes forte, podendo ser acompanhada de trovoada, situação que se deverá manter até às 09:00 de domingo.

Também as ilhas do grupo Ocidental (Flores e Corvo) vão estar durante este sábado sob aviso amarelo, por causa da chuva, que pode ser forte, acompanhada de trovoada.

Devido ao vento, as duas ilhas do grupo Ocidental (Flores e Corvo) estão igualmente sob aviso amarelo entre o dia de hoje e as 12:00 de domingo.

As ilhas do grupo Oriental (São Miguel e Santa Maria) estão também hoje com aviso amarelo referente a precipitação, que pode ser forte, acompanhada de trovoada, situação que se deverá manter até às 00:00 de domingo.

O IPMA emitiu ainda aviso amarelo meteorológico para aquelas duas ilhas do grupo Oriental por causa das previsões de agitação marítima, com ondas de noroeste, de seis a sete metros, entre as 06:00 de domingo e as 06:00 de segunda-feira.

O aviso laranja é o segundo mais grave e representa uma situação meteorológica de risco moderado a elevado. Já o aviso amarelo é emitido pelo IPMA sempre que a situação meteorológica representa risco para determinadas atividades.

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores recomenda que sejam tomadas medidas de autoproteção face a estas condições meteorológicas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.