"Temos uma equipa da rua diurna a percorrer os sítios onde se encontram habitualmente os sem-abrigo, informando-os de que podem ter uma refeição quente e pernoitar em instalações dos Bombeiros Voluntários de Almada durante a vaga de frio dos próximos dias, na sequência dos avisos da Proteção Civil e do Instituto Português do Mar e da Atmosfera”, disse à agência Lusa a vereadora socialista.

Segundo Teodolinda Silveira, trata-se de uma resposta pontual, criada no âmbito do Núcleo de Planeamento de Integração de Sem-Abrigo de Almada (NPISAA), que é disponibilizada para os cerca de 60 sem-abrigo do concelho, a exemplo do que já aconteceu no ano passado, em que oito pessoas sem-abrigo pernoitaram no quartel dos Bombeiros Voluntários de Almada (distrito de Setúbal).

Teodolinda Silveira revelou ainda que os Bombeiros Voluntários já receberam um apoio de 30.000 euros da Câmara de Almada, para obras de beneficiação de um espaço onde será disponibilizada uma resposta permanente para situações de emergência social no concelho.

"Os Bombeiros Voluntários de Almada disponibilizaram-se e, como isto era uma opção prioritária do município para dar resposta a situações de grande degradação social, candidataram-se a um apoio da Câmara Municipal, que já lhes foi concedido, para melhorarem um outro espaço em que será criada uma resposta permanente para pessoas em situação de emergência social", disse.

A autarca lembrou que, atualmente, o município não dispõe de algum espaço para apoiar os sem-abrigo ou outras pessoas em situação de emergência social.

"Quando as obras estiverem concluídas, teremos esta resposta permanente para acolhimento temporário de oito/10 pessoas em situação de emergência social, em articulação com as restantes instituições da rede social", disse Teodolinda Silveira, adiantando que o novo espaço deverá estar concluído "dentro de dois ou três meses".

Na segunda-feira, a meteorologista Ângela Lourenço disse à Lusa que as temperaturas mínimas vão continuar muito baixas em Portugal continental pelo menos até ao final da semana, podendo chegar aos 05 graus negativos em algumas regiões do território.

Até ao final da semana as temperaturas mínimas vão continuar muito baixas, com noites muito frias, mas os dias serão amenos, com máximas que podem chegar aos 18 graus Celsius, explicou a especialista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.