Segundo a agência de notícias iraniana, citando o porta-voz do Governo iraniano, Gholamhosein Mohseni Ejehi, o caso da britânica-iraniana está abrangido na lei relativa à liberdade condicional, que exige o cumprimento de um terço da pena e para sentenças inferiores a 10 anos.

Nazanin Zaghari-Ratcliffe está a cumprir uma pena de cinco anos por, alegadamente, conspirar para derrubar o Governo. As autoridades iranianas disseram que a mulher tem outro caso pendente, mas não deram mais detalhes.

A britânica-iraniana foi detida em abril de 2016 e terá cumprido um terço de sua sentença em janeiro de 2018.

O porta-voz do Governo iraniano disse que o judiciário do Irão atuará em conformidade no caso de Nazanin Zaghari-Ratcliffe .

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.