"As intervenções LIFE têm uma componente tecnológica que permite, através de um comando, o controlo remoto integral da casa, quer seja no interior ou exterior, através de uma 'app' no telemóvel", adianta a Câmara, em comunicado.

A mesma nota refere que cozinhas dinâmicas, espaços amplos que permitem a circulação da cadeira de rodas e pisos adaptados são outras das características destas habitações.

O presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina (PS), entregou hoje as chaves da 16.ª casa adaptada, no Bairro Casal dos Machados, no Parque das Nações, a um jovem portador de deficiência motora.

Segundo fonte oficial da autarquia, a adaptação desta habitação custou 40 mil euros e, na totalidade das 16 casas, com custos entre 20 e 40 mil euros, a câmara terá feito um investimento de 600 mil euros.

A primeira casa adaptada foi entregue em 2010, no Bairro dos Ourives, na freguesia do Beato, disse à Lusa fonte oficial do município.

A Gebalis é a empresa de gestão do arrendamento da habitação municipal.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.