Numa parceria com as câmaras municipais de Lisboa, Loures, Vila Franca de Xira, Alenquer, Azambuja, Cartaxo, Santarém, Alcanena, Batalha e Ourém, e com o Centro Nacional de Cultura, a iniciativa visa sensibilizar os peregrinos a escolherem caminhos alternativos às estradas nacionais, como é o caso do Caminho do Tejo, um percurso de 151 quilómetros pelos campos, sinalizado desde 2000 e onde foram agora colocados mais 50 marcos.

Nos pontos de partida e de passagem dos peregrinos, a SCML vai distribuir, com o apoio da Infraestruturas de Portugal (IP) e da Ordem de Malta, um “kit de apoio aos peregrinos”, com as recomendações para uma peregrinação segura.

Em comunicado enviado à Lusa, a IP afirma que está no terreno, em ações de vigilância e apoio aos peregrinos e condutores que circulam nas estradas da sua rede em peregrinação ao Santuário da Fátima, desde a semana passada, mantendo, até dia 12, colaboradores e carrinhas de apoio nas principais estradas utilizadas pelos peregrinos, nos distritos de Aveiro, Coimbra, Leiria e Santarém.

As recomendações aos peregrinos incluem a sugestão da opção por percursos alternativos mais seguros, uso de vestuário refletor de dia ou de noite, circulação sempre pela berma, em fila indiana, o mais afastado possível da faixa de rodagem e em sentido contrário ao trânsito, paragens o mais afastadas possível da estrada e a não utilização de auscultadores ou do telemóvel enquanto caminham na estrada.

Aos automobilistas, é pedida atenção redobrada na estrada, a redução da velocidade ao avistar grupos de caminhantes e atenção aos condicionamentos de trânsito, como a supressão das faixas de lentos (mais à direita) em algumas vias onde não existam bermas.

A tradicional peregrinação de maio a Fátima coincide este ano com a visita do papa Francisco, nos próximos dias 12 e 13, com o centenário das “aparições” e com a canonização dos “pastorinhos” Jacinta e Francisco, fazendo prever um aumento significativo da afluência ao santuário.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.