Em nota de imprensa, a EDM informa que o “apagão” vai afetar a cidade de Maputo e distritos das províncias de Manica, Sofala, Tete e Zambézia, centro, e Nampula, Niassa e Cabo Delgado, na região norte.

“Para efeitos de precaução, todas as instalações elétricas deverão ser consideradas como estando permanentemente em tensão”, lê-se no comunicado.

As províncias do centro e norte de Moçambique acolhem mais de 60% da população moçambicana.

O corte no fornecimento de energia elétrica visa dar lugar ao Plano Anual de Manutenção Preventiva da EDM e da Hidroelétrica de Cahora Bassa (HCB).

A EDM é a empresa estatal moçambicana que faz a distribuição da energia elétrica da rede pública e a HCB está encarregada da produção na barragem de Cahora Bassa.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.