“O principal objetivo da carta era solicitar, e ver como se pode concretizar, um novo encontro com o Presidente”, disse Sarah Sanders, porta-voz de Donald Trump, numa conferência de imprensa, na Casa Branca, em Washington.

Sarah Sanders, que classificou a carta do líder da Coreia do Norte como “calorosa e muito produtiva”, salientou que já se está a trabalhar para a concretização deste segundo encontro.

A porta-voz evitou dar mais detalhes, como o local e data deste possível segundo encontro entre os dois líderes.

Esta foi a primeira conferência de imprensa de Sarah Sanders em quase três semanas, resultado das tensões entre o Governo de Trump e os meios de meios de comunicação social.

Em junho, realizou-se em Singapura um encontro histórico entre Donald Trump e Kim Jong-un, tendo ficado acordado que iriam trabalhar para a desnuclearização da Coreia do Norte, mas acabaram por surgir divergências na forma de avançar com este processo.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.