Hoje, em comunicado, a ASAE adiantou ter fiscalizado em todo o país cerca de 200 operadores económicos e instaurado 25 processos por contraordenação.

Destes processos de contraordenação, a ASAE destaca várias infrações entre as quais a violação dos requisitos essenciais de segurança, o incumprimento dos deveres dos distribuidores, das obrigações relativas aos avisos obrigatórios constantes na rotulagem e o desrespeito das regras do anúncio de venda com redução de preços.

A operação de fiscalização, atenta à quadra natalícia, incluiu fabricantes, importadores e distribuidores, e teve como foco principal a verificação da rotulagem e da segurança de brinquedos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.