O presidente da Câmara de Viana do Alentejo, Luís Miguel Duarte, disse hoje à agência Lusa que a organização prevê que a chegada da romaria à vila alentejana envolva “cerca de mil romeiros” e perto de “500 cavalos”.

“Há romeiros que começam a romaria na partida”, na vila de Moita, no distrito de Setúbal, marcada para esta quarta-feira, mas, depois, outros juntam-se à iniciativa ao longo do percurso, assinalou.

Segundo o autarca, a partida da romaria deverá contar com “cerca de 500 romeiros e à volta de 200 cavalos”.

Após um interregno de dois anos, devido à pandemia de covid-19, a 20.ª Romaria a Cavalo entre Moita e Viana do Alentejo, que chegou a estar prevista para abril de 2020, realiza-se esta semana para se cumprir uma tradição centenária.

Os romeiros partem da Moita às 09:00 de quarta-feira e devem chegar a Viana do Alentejo às 17:00 de sábado, com animação no centro da vila e cerimónias junto ao Santuário de Nossa Senhora de Aires, até domingo.

De acordo com o presidente da Câmara de Viana do Alentejo, está prevista a participação na iniciativa de romeiros oriundos de “todo o país, do Norte ao Algarve, e alguns de Espanha também”.

“É bom voltarmos a fazer uma iniciativa com esta envergadura, ao fim de dois anos”, para “proporcionar a união entre os romeiros e dar às populações mais ânimo, nestes tempos conturbados”, sublinhou Luís Miguel Duarte.

Nesta viagem, os participantes, a cavalo e de charrete ou carroça, percorrem os cerca de 150 quilómetros da antiga canada real, mais conhecida por Estrada dos Espanhóis.

Os romeiros levam consigo a imagem da padroeira de Moita, Nossa Senhora da Boa Viagem, que se vai juntar à imagem de Nossa Senhora de Aires, à chegada a Viana do Alentejo .

A iniciativa retoma uma antiga tradição de caráter religioso existente na vila de Moita, que fazia deslocar centenas de romeiros, com os seus animais, a Viana do Alentejo.

Os romeiros pretendiam que os animais fossem benzidos durante uma procissão em honra de Nossa Senhora de Aires, padroeira dos animais, e pediam proteção para boas colheitas.

O programa religioso inclui a realização de uma procissão com as imagens de Nossa Senhora de Aires e de Nossa Senhora da Boa Viagem pelas ruas da Viana do Alentejo, no sábado, e outra junto ao santuário, no domingo, onde vai ter lugar uma missa campal.

Recuperada em 2001, após um interregno de mais de 70 anos, a Romaria a Cavalo realizava-se todos os anos, desde então, mas foi interrompida em 2020 devido à pandemia de covid-19.

O evento é organizado pelos municípios de Moita e de Viana do Alentejo, Associação dos Romeiros da Tradição Moitense e Associação Equestre de Viana do Alentejo, com o apoio da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo e outras entidades.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.