A necessidade de testagem foi determinada pela autoridade de saúde depois de um professor ter recebido um resultado positivo à covid-19, justificou hoje a fonte do gabinete de comunicação da Câmara de Silves, no distrito de Faro, sem especificar a que escolas pertenciam os alunos testados.

“Não se tratou de um surto, propriamente dito, foi um professor que deu positivo. A partir do momento que detetou [sintomas] alertou a escola e foi para casa, mas quando se soube que o resultado do teste era positivo, tomámos a iniciativa de, em articulação com o agrupamento de escolas, a proteção civil, a autarquia e a delegada regional de saúde, tomar uma atitude proativa e avançar com estes testes”, explicou a mesma fonte à Lusa.

A testagem “foi feita no sábado” e “os resultados serão conhecidos entre hoje e amanhã [terça-feira]”, estimou a mesma fonte, quantificando em 247 o número de testes de diagnóstico à covid-19 realizados.

A fonte do município de Silves esclareceu que o professor tinha “algum contacto” com as turmas testadas e adiantou que, “como tinha sido detetado um caso [positovo] de uma criança” numa creche em Armação de Pera, “também se aproveitou para fazer testes” a essa turma.

O Agrupamento de Escolas de Silves Sul revelou na sua página de uma rede social que, “no seguimento da situação já reportada de um docente” que testou “positivo para covid-19”, foram realizados testes a “todos os alunos das turmas 6.°A, 6.°B, 6.°D, 8.°A, 8.°C, 8.°E, 9.°A, 9.°B e 9.°C da Escola EB 2,3 de Armação de Pera”.

Os alunos testados estiveram “em contacto com o docente na sexta-feira, dia 08 de janeiro, e na segunda-feira, dia 11 de janeiro”, ou “estiveram nestas turmas nos dias 12 e 13 de janeiro”, mas sem estar em contacto com o professor, indicou o agrupamento.

A testagem foi realizada no sábado, com horários diferenciados para cada ano, num “formato ‘drive-thru’” no pavilhão gimnodesportivo da escola básica 2, 3 Dr. António da Costa Contreiras, ainda segundo o agrupamento.

A Agência Lusa pediu mais informações sobre o caso à Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve, mas fonte do organismo adiantou apenas que foram cumpridos os planos de contingência e entre hoje e terça-feira serão conhecidos os resultados dos testes.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.022.740 mortos resultantes de mais de 94,4 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 8.861 pessoas dos 549.801 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.