"Face ao desafio diário deste contexto de emergência que vivemos, e no sentido de minorar as situações de constrangimento dos recursos disponíveis, o município de Oleiros considerou necessária a criação de uma bolsa de voluntários", explica, em comunicado, a autarquia.

Adianta ainda que a inscrição não garante a prestação do voluntariado, servindo apenas para sinalizar a disponibilidade em ajudar as instituições que necessitem, ou venham a necessitar de apoio.

"A medida foi instituída para que possamos receber as inscrições de cidadãos que, em caso de eventual necessidade, possam estar disponíveis para trabalhar voluntariamente e/ou dar apoio a instituições, nomeadamente as IPSS do concelho", lê-se na nota.

A inscrição é feita através do preenchimento de um breve formulário, disponível no sítio da Internet da Câmara de Oleiros, sendo que os dados depois de recolhidos e tratados destinam-se em exclusivo à finalidade de sinalizar a disponibilidade do voluntário.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 940 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 47 mil.

Em Portugal, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde (DGS), registaram-se 209 mortes, mais 22 do que na quarta-feira (+11,8%), e 9.034 casos de infeções confirmadas, o que representa um aumento de 783 em relação à véspera (+9,5%).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.