Para fazer frente aquilo que o Delegado de Saúde considera ser um número de casos “exponencial e preocupante” no concelho de Gondomar, a autarquia decidiu de imediato encerrar todos os parques infantis e fechar os cemitérios entre os dias 30 de outubro e 2 de novembro.

O executivo dirigido pelo socialista Marco Martins decidiu também monitorizar os passadiços e parques urbanos do concelho, "admitindo a possibilidade de estes virem a ser encerrados, caso se verifique a excessiva acumulação de pessoas", pode ler-se num comunicado hoje enviado aos jornalistas.

Segundo a mesma fonte, a fiscalização será também reforçada nos "estabelecimentos comerciais e de restauração, em particular, os reincidentes no incumprimento de horário, lotação e/ou regras de higiene, sendo que, no caso do repetido incumprimento, a Câmara Municipal de Gondomar cassará a licença de utilização".

Para além disso, a autarquia vai "fiscalizar através das forças de segurança, numa ação conjunta da PSP, da GNR e da Polícia Municipal, os estabelecimentos, espaços públicos e transportes públicos, de forma a impedir os ajuntamentos e sensibilizar para o cumprimento de medidas e atitudes preventivas, tais como: o uso de máscara em todas as situações, incluindo via pública, a higienização frequentemente das mãos, o distanciamento social de, pelo menos, dois metros e a utilização das normas de etiqueta respiratória".

Desta reunião saiu ainda a decisão de "duplicar o número de testes efetuados". Para isso, o centro de testagem drive-through, a funcionar no Multiusos de Gondomar, passará a ter duas linhas de testes, "duplicando assim a capacidade de testagem e reduzindo os tempos de espera", explica a autarquia.

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 2.149 mortes e 95.902 casos de infeção, estando ativos 37.697 casos, mais 1.602 do que na quinta-feira.

O boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS)dá conta que Portugal tem hoje 2.608 novos casos de infeção com o novo coronavirus, o valor diário mais elevado desde o início da pandemia de covid-19. É o terceiro dia consecutivo que Portugal tem mais de dois mil novos casos, após os 2.072 registados na quarta-feira e os 2.101 na quinta.

A região Norte foi onde nas últimas 24 horas se registaram mais novas infeções, com 1.350 casos, totalizando 37.157 e 944 mortos.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.