Segundo os dados avançados pela agência EFE, o país passa a ter um total de 3.870.131 infetados com vírus SARS-CoV-2 desde o início da pandemia, registando também 116.927 mortes por covid-19.

O Ministério italiano adiantou ainda que 13.134 pessoas recuperaram da doença nas últimas 24 horas e outras 163 tiveram de ser internadas em unidades de cuidados intensivos.

A Itália tem hoje 23.648 internados em enfermaria e 3.311 em cuidados intensivos, número que ultrapassa o limite considerado crítico de 3.000 doentes para este tipo de cuidados médicos avançados.

O Ministério da Saúde referiu também que 15.099.777 pessoas já foram vacinadas contra o novo coronavírus, das quais 4.443.309 já têm a vacinação completa com a toma das duas doses do fármaco.

“A Itália ultrapassou mais de 15 milhões de vacinações, um milhão nos últimos três dias”, disse o ministro italiano da Saúde, Roberto Speranza.

O Governo de Itália prepara-se para levantar a partir de 26 de abril algumas restrições impostas para controlar a pandemia, alegando que o número de infeções está controlado, mas diversos especialistas alertam para o risco destas medidas elevarem a curva epidemiológica no país.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.