O número é superior aos 200 casos, em média, que o país vinha a registar nos últimos dias, mas também foram realizados mais testes: quase 62.000 hoje, em comparação com os 56.000 de quarta-feira.

Nas últimas 24 horas morreram três pessoas (35.132 no total), foram curados 765 pacientes (199.796 no total) e o número atual de positivos é de 12.230.

Dos 386 novos casos, a região de Veneto, no norte, registou 112, um número muito alto e que o presidente regional, Luca Zaia, atribuiu a um surto num centro de acolhimento de migrantes.

Zaia indicou que estão a ser feitos os controlos necessários para evitar que o vírus se propaga e que os migrantes contagiados sejam isolados.

A Lombardia, zona mais afetada do país, registou 88 novas infeções e apenas cinco regiões não registaram qualquer caso.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 667 mil mortos e infetou mais de 17 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.