Segundo fonte do Governo, apesar de terem tido testes negativos, foi recomendado pelas autoridades de saúde ao ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, e ao secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Sobrinho Teixeira, que ficassem em isolamento durante 14 dias a contar a partir do passado dia 08.

Já se encontravam em isolamento profilático os titulares das pastas do Trabalho e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, e do Planeamento, Nelson de Souza, por terem estado sentados perto do ministro da Ciência e do Ensino Superior, Manuel Heitor, na última reunião do Conselho de Ministros, no dia 08 de outubro.

"Todos estão a trabalhar a partir de casa, cancelaram apenas a respetiva agenda de deslocações, que estão a ser substituídas por participações por videoconferência", referiu a mesma fonte do executivo.

No total, são já cinco os membros do Governo que se encontram em isolamento, depois de o ministro Manuel Heitor ter comunicado no domingo que estava infetado com o vírus responsável pela doença covid-19, embora assintomático.

Após ser conhecida a situação de Manuel Heitor, entre domingo e segunda-feira, o primeiro-ministro, António Costa, e todos os seus ministros realizaram testes ao novo coronavírus, sem que se tivesse registado qualquer resultado positivo.

No entanto, o secretário de Estado da Ciência teve ao longo dos últimos dias trabalho contacto próximo com Manuel Heitor. E João Pedro Matos Fernandes teve na quinta-feira uma conversa com alguma proximidade com o seu colega das pastas da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

O período de confinamento recomendado pelas autoridades de saúde é de 14 dias, o que deverá prolongar o isolamento profilático destes membros do Governo que não estão infetados até ao final da próxima semana.

(Notícia atualizada às 18:07)

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.