Uma segunda pessoa, com coronavírus Covid-19, morreu hoje em Itália, onde foram identificados mais de 30 casos de contaminação até agora, dos quais 25 casos na Lombardia (região de Milão), anunciaram agências de notícias italianas.

Esta segunda vítima mortal, que estava hospitalizada há 10 dias, é uma mulher italiana residente na Lombardia, onde mais de uma dezena de localidades, com uma população estimada de 50.000 pessoas, estão em quarentena, decretada pelas autoridades, desde sexta-feira.

A primeira morte em Itália devido ao novo coronavírus foi um homem de 78 anos na região do Veneto, e tinha sido anunciada na sexta-feira à noite.

Como medida de precaução, o Ministério da Saúde italiano decretou o encerramento de bares, escolas e outros locais públicos em pelo menos nove cidades da Lombardia e uma na zona de Veneto.

O anúncio ocorreu depois da decisão de fechar espaços públicos e cancelar eventos desportivos e religiosos em dez cidades do norte do país após um primeiro surto da doença ter sido identificado em Codogno.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.