Segundo a mesma fonte, o início da vacinação no CHLO, que integra os hospitais São Francisco Xavier, Egas Moniz e de Santa Cruz, está prevista para as 09:00, sendo a primeira vacina administrada ao médico infeciologista e diretor do serviço de doenças infecciosas, Kamal Mansinho.

No âmbito do plano nacional de vacinação contra a pandemia, os “grupos de risco na linha da frente do combate à covid-19 terão prioridade” em receber a vacina, adiantou ainda o CHLO, que disponibilizou para isso as instalações do serviço de medicina física e de reabilitação do Hospital São Francisco Xavier.

Portugal entrou hoje no segundo dia da campanha de vacinação contra a covid-19, que arrancou no domingo nos centros hospitalares universitários do Porto, Coimbra, Lisboa Norte e Lisboa Central.

O plano prevê que sejam vacinados até abril cerca de 950 mil pessoas dos grupos prioritários definidos pelo grupo de trabalho: pessoas com mais de 50 anos com doenças associadas, utentes e trabalhadores de lares e profissionais de saúde e de serviços essenciais.

A primeira fase de vacinação prolonga-se até final de março de 2021, tem prevista a chegada de 1,2 milhões de doses de uma vacina que é facultativa, gratuita e universal, sendo assegurada pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Portugal contabiliza pelo menos 6.677 mortos associados à covid-19 em 396.666 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.