Os primeiros casos de infeção no lar de idosos foram conhecidos em 30 de setembro e a 02 de outubro a Câmara de Montalegre, no distrito de Vila Real, ativou o Plano de Emergência e Proteção Civil para travar a propagação do surto pela comunidade.

Alberto Fernandes, presidente da direção do lar e da Junta de Freguesia de Salto, disse hoje à agência Lusa que estão, neste momento, dados como recuperados 20 utentes e nove funcionárias da instituição, as quais estão também a regressar ao serviço.

Do total de 30 utentes, 26 contraíram a infeção pelo novo coronavírus, faltando ainda recuperar cinco. Um homem de 66 anos, infetado neste surto de novo coronavírus, morreu no hospital de Vila Real.

O utente estava institucionalizado há cerca de 20 anos naquele lar e sofria de outras patologias.

Há ainda cinco funcionárias positivas, algumas da quais vão repetir o teste nos próximos dias.

Quanto à origem do surto na instituição, Albert Fernandes disse que “tudo indica que possa ter sido uma visita de um utente”.

O autarca apontou ainda outras “boas notícias” nesta vila, como o regresso dos alunos à escola “com normalidade” e a reposição da missa e da feira semanal, que se realizaram, como habitualmente, no domingo.

O medo afastou muitas crianças da escola e a suspensão de feiras e missas, foi uma das medidas implementadas para travar a propagação do surto.

Alberto Fernandes acredita que “lentamente” a vila vai recuperando o movimento que a caracteriza, já que é local de passagem para muitos trabalhadores, pescadores e também caçadores.

Depois de, na fase mais grave do surto, ter ultrapassado os 80 casos positivos de infeção pelo novo coronavírus, cerca de 70 dos quais na freguesia de Salto, o concelho Montalegre registava no domingo uma diminuição para os 49 casos ativos.

Segundo o boletim epidemiológico do Agrupamento de Centro de Saúde (ACES) do Alto Tâmega e Barroso, desde o início da pandemia Montalegre contabilizou 89 casos de infeção pelo novo coronavírus e, até domingo, registava 39 recuperados.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.