A mesma fonte indicou à agência Lusa que os desacatos entre os dois trabalhadores agrícolas, um romeno de 39 anos e um moldavo de 32, ocorreram na aldeia de Vale de Vargo, no concelho de Serpa, tendo o alerta sido dado por volta das 15:30.

Segundo a fonte da GNR, os dois homens, que estavam de folga do trabalho, lançaram combustível um ao outro, na sequência do confronto, e um deles acendeu um fósforo, o que provocou o fogo que atingiu ambos.

Os dois trabalhadores agrícolas sofreram queimaduras no tronco e membros superiores, adiantou a fonte, precisando que um deles foi transportado de helicóptero para o Hospital de São José, em Lisboa, devido à gravidade das queimaduras.

O outro também ficou em estado considerado grave e foi transportado para o Hospital de Beja, acrescentou.

As operações de socorro mobilizaram os Bombeiros de Serpa, o helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) de Faro, a viatura médica de emergência e reanimação (VMER) de Beja, a ambulância de Suporte Imediato de Vida (SIV) de Moura e a GNR, num total de 16 operacionais.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.