A contagem inicial deu ao democrata apenas cerca de 14.000 votos à frente do rival, o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

A margem de vitória foi tão pequena que foi feita uma recontagem manual. A diferença diminuiu ligeiramente, ficando Joe Biden agora com pouco mais de 12.200 votos à frente.

A diferença entre os dois candidatos é ainda muito pequena. Trump, que contesta a derrota, pode, por isso, solicitar uma outra recontagem, esclareceu o gabinete do secretário de estado da Geórgia, responsável pelas eleições.

A vitória de Biden alarga a vantagem no Colégio Eleitoral sobre o recandidato republicano à Casa Branca.

Biden foi declarado vencedor das eleições presidenciais a 07 de novembro, depois de ter conquistado três importantes estados: Pensilvânia, Michigan e Wisconsin.

Biden tem agora 306 delegados ao Colégio Eleitoral, contra os 232 de Trump.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.