O corpo foi encontrado nas margens do rio Búzi e estava em avançado estado de decomposição, disse o chefe do posto administrativo da Nova Sofala, Vasco Fernando.

A embarcação de madeira a motor com 32 pessoas e carga naufragou durante a madrugada de segunda-feira no rio Buzi, na província de Sofala, centro de Moçambique.

O naufrágio provocou a morte de uma pessoa no local e o desaparecimento de outras duas, sendo que uma delas, uma criança de sete anos, foi salva por outra embarcação no mesmo dia.

Com o corpo encontrado hoje, confirmam-se dois óbitos e as operações de busca são encerradas, segundo Vasco Fernando.

O barco saiu da aldeia de Buene às 01:00 (00:00 em Lisboa) e dirigia-se para a cidade da Beira, sem iluminação, durante a noite.

“Faziam a trajetória de noite e encostaram muito [à margem] num canal, uma das tábuas saiu e começou a entrar água”, explicou Vasco Fernando à comunicação social, na segunda-feira.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.