Erdogan garantiu que a Turquia irá fornecer comida e cuidados médicos ao Qatar, para ajudar o país que ficou isolado desde o início do mês, depois de o Bahrein, Egito, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos terem cortado relações diplomáticas e ligações aéreas e marítimas, acusando o país de apoiar o terrorismo.

O Presidente turco chegou mesmo a pedir à Arábia Saudita e a outros países da região que acabem com as sanções impostas, rejeitando as acusações de que o Qatar apoia grupos terroristas.

Na quarta-feira, o parlamento turco aprovou uma lei que permite a colocação de tropas numa base militar turca no Qatar.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.