No percurso de metropolitano, que demorou cerca de 15 minutos, Pedro Marques fez-se acompanhar pelos presidentes de câmaras de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, Gondomar, Marco Martins, e Valongo, José Manuel Ribeiro, além do vereador do Porto Manuel Pizarro, "número nove" da lista europeia do PS.

Coube a Eduardo Vítor Rodrigues distribuir os títulos de transporte (o andante) pelos membros da campanha nacional do PS e pelos jornalistas que acompanham pelo país.

Numa breve conversa com o cabeça de lista europeu do PS, o presidente da Câmara de Gaia disse-lhe que, na sequência da medida do Governo de redução do custo dos passes sociais, "há mais 30 mil utentes, um aumento de 22%".

Por sua vez, o presidente da Câmara de Gondomar procurou destacar os casos de utentes que, no seu município, antes pagavam 90 euros por mês pelo passe "e agora o custo é apenas de 30 euros".

Pedro Marques ouviu e comentou: "Esses dados de aumento sobre o aumento da procura são realmente impressionantes".

Durante o percurso de metro entre as duas margens do Rio Douro (Gaia e estação da Trindade), Pedro Marques esteve sempre rodeado de elementos da JS, conversou com os autarcas socialistas da área metropolitana do Porto, mas não falou com passageiros.

Pedro Marques foi questionado pelos jornalistas sobre o facto de ter feito a campanha quase toda de carro de não de transportes públicos, e reagiu com humor: "É verdade que são mais umas emissões de carbono, mas, se me der uma boa vitória, então terá valido a pena", respondeu.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.