Naquela que é a primeira de uma série de projeções que serão reveladas quinzenalmente pelo Parlamento Europeu até às eleições de 23 a 26 de maio, o Partido Socialista aparece como o vencedor, com 38,5% de intenções de votos, com o Partido Social Democrata a surgir no segundo lugar, com 23,4%.

De acordo com a sondagem hoje divulgada, os socialistas, que no sábado confirmaram Pedro Marques como cabeça de lista às europeias, conseguiriam eleger nove eurodeputados, mais um do que na atual legislatura, enquanto os sociais-democratas, liderados por Paulo Rangel, manteriam os atuais seis representantes.

O outro grande ‘vencedor’ seria o CDS-PP, o único outro partido português a conquistar outro assento na próxima assembleia europeia.

Com 9,9% das intenções de votos, os centristas, que têm Nuno Melo como cabeça de lista, elegeriam dois eurodeputados, menos um do que o Partido Comunista, que com 13,4% conservaria os três assentos na assembleia europeia, tendo João Ferreira como número um.

Já o Bloco de Esquerda, de acordo com a sondagem hoje divulgada, teria Marisa Matias como única representante, ao recolher 7,5% dos votos.

O PAN, com 2,4% de intenções de votos, e o Aliança, com 1,4%, são os outros partidos mencionados na sondagem, que dá 3,5% a ‘outros’ partidos.

As eleições europeias realizam-se entre 23 e 26 de maio.

A projeção divulgada hoje pelo Parlamento Europeu recorre a uma sondagem da Aximage, realizada entre 04 e 07 de janeiro, na qual foram efetuadas 608 entrevistas telefónicas, sendo a margem de erro de 4%.

Na metodologia do PE, as respostas de indecisos e não votantes são eliminadas.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.