A criança, que tem problemas motores e se desloca em cadeira de rodas, estava com os pais à entrada do recinto do santuário de Fátima, por onde a viatura papal entrou. Francisco reparou no cartaz empunhado pela mãe de Gabriel (a pedir a bênção para o filho poder andar) e, com a viatura sempre em andamento, virou-se para onde estava a família e benzeu-a com o sinal da cruz.

Gabriel é filho de um casal de emigrantes em França, na zona de Estrasburgo - pai português, de Amarante, e mãe brasileira - que, após a entrada de Francisco no santuário de Fátima, exultaram com o gesto do Papa.

"Mesmo de longe, ele deu a bênção. Ele não pode parar, mas virou-se para abençoar o Gabriel", disse, emocionada, a mãe da criança, Danielle da Costa.

Os pais ficaram ainda mais contentes com o gesto do Papa Francisco, dado que, na quinta-feira, Gabriel teve uma convulsão e foi hospitalizado e a deslocação de Amarante até Fátima esteve em risco de não acontecer.

Após a bênção papal, a criança emocionou-se e "chorou muito" e Danielle, agora, acredita "num milagre" para o filho andar.

"Espero que ele ande, com dificuldade, mas que ande", adiantou o pai, Jorge da Costa.

O Papa Francisco foi hoje recebido com entusiasmo por milhares de pessoas em Fátima, fez, em silêncio, uma longa oração junto à imagem de Nossa Senhora de Fátima, e pediu a "concórdia entre todos os povos".

Jorge Mario Bergoglio, que no sábado vai canonizar os pastorinhos Francisco e Jacinta, chegou às 16:10 à base de Monte Real, sendo recebido pelas três principais figuras do Estado - o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o primeiro-ministro, António Costa, e o presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues.

Francisco é o quarto Papa a visitar Fátima. Os anteriores papas que estiveram no maior templo mariano do país foram Paulo VI (1967), João Paulo II (1982, 1991, 2000) e Bento XVI (2010).

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.