O fogo, cujo alerta foi dado às 10:50, atingiu um veículo de combate a incêndios da corporação dos Bombeiros Voluntários de Estarreja, disse a fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Aveiro.

"As chamas chegaram à parte traseira do carro e causaram-lhe alguns estragos, mas foram rapidamente controladas pelos meios disponíveis noutra viatura próxima e não há nenhum ferido a registar", disse.

Ainda segundo a mesma estrutura da Proteção Civil, nenhuma zona habitada esteve em risco durante o incêndio, que lavra numa zona rural de Loureiro, próxima dos municípios de Estarreja e Albergaria-a-Velha, ambos no distrito de Aveiro.

De acordo com a página na Internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, às 13:50, no combate ao incêndio, que já está em resolução, estavam envolvidos 140 operacionais, 43 veículos e quatro meios aéreos.

No combate às chamas chegaram a estar envolvidos 149 operacionais e sete meios aéreos.

Mais de uma centena de concelhos de 14 distritos de Portugal continental apresentam hoje um risco máximo de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Em risco máximo estão mais de 100 concelhos dos distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Bragança, Viseu, Aveiro, Guarda, Coimbra, Leiria, Castelo Branco, Santarém, Portalegre e Faro.

[Notícia atualizada às 14:03]

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.