Num ‘briefing’ na Sertã, onde está instalado o posto de comando, pelas 20:00, o comandante operacional do Agrupamento Centro Norte, Pedro Nunes, disse aos jornalistas que nos restantes 30% de território atingido no concelho de Mação (distrito de Santarém) lavra ainda uma frente repartida.

Durante a tarde, explicou, houve algumas reativações e “o incêndio teve um comportamento extremo”, com muita libertação de energia, e a prioridade foi defender pessoas e bens.

Para esta noite, a Proteção Civil está a redefinir a sua estratégia, recorrendo ao uso de máquinas de rasto e ao ataque direto às chamas.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.