No local, o autarca informou que os feridos graves foram transportados para “unidades hospitalares” e que, no total, deverão ter ficado cinco pessoas feridas.

O alarme foi dado “a meio da tarde”, quando se detetou uma “fuga de gás no 'hall' de entrada” do prédio, entretanto evacuado.

Para o local foram deslocados elementos da PSP, bombeiros e INEM, segundo a mesma fonte.

Pelas 18:30, Pedro Brás explicava à Lusa decorre uma avaliação, com a proteção civil, da situação, e para se ver se seria possível o regresso dos moradores ao edifício.

“Há uma grande articulação” entre as diferentes antidades, garantiu.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.