Segundo as informações, o homem em causa será o gerente da loja e depois de ter atirado em dezenas de pessoas acabou por suicidar-se.

Ainda não há muitos detalhes sobre mais este tiroteio, sabendo-se apenas que aconteceu ao final da noite de terça-feira nos Estados Unidos.

As últimas notícias salientam que o atirador terá entrado na cantina da loja e começou a disparar contra outros empregados. O tiroteio terá durado cerca de 30 minutos.

Um porta-voz da polícia de Chesapeake confirmou inicialmente que terão morrido "até 10 pessoas", mas mais recentemente confirmaram a morte de sete.

"Encontrámos vários mortos e feridos quando entrámos no estabelecimento. Acreditamos que seja um único atirador e que está morto", disse o porta-voz da polícia, sem esclarecer como o suposto atirador morreu.

Este massacre ocorreu três noites depois de um outro atirador, no Colorado, abriu fogo dentro de uma discoteca LGBTQ, em Colorado Springs, matando cinco pessoas e ferindo pelo menos 18.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.