"Vários homens armados entraram no edifício da RTA (Rádio e Televisão do Afeganistão) às 9h45. Dois deles foram mortos pelas forças de segurança, que estão a responder ao ataque. O terceiro continua a resistir", disse à AFP Attaullah Jogyani, porta-voz do governo provincial.

Todas as avenidas próximas ao local foram bloqueadas, de acordo com Jogyani. O porta-voz da polícia, Hazarat Hussain Mashreqiwal, confirmou o ataque.

"Não sabemos qual é o alvo exato, mas estamos a responder ao ataque", disse.

"Quando ouvi os tiros consegui escapar, mas os meus colegas continuam presos no prédio", afirmou um fotógrafo da RTA que pediu para o nome não ser revelado.

O edifício da RTA fica diante da sede do governo provincial e de um quartel da polícia.

Os talibãs, que iniciaram em abril a sua tradicional ofensiva de primavera, têm forte presença na província de Nangarhar, fronteiriça com o Paquistão.

A região também tem a presença de extremistas do Estado Islâmico.

As tropas afegãs, apoiadas pelas forças americanas, executaram recentemente várias operações para expulsar o Estado Islâmico da região, onde perderam três homens.

Em abril, a Força Aérea americana lançou a bomba convencional mais potente da história e matou 96 integrantes do Estado Islâmico na região.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.