O diretor da empresa, Adar Poonawala, já enviou as condolências às famílias das vítimas do incêndio, que foram confirmadas pelo presidente da câmara de Pune, no oeste da Índia, Murlidhar Mohol.

A empresa garante que a produção de vacinas naquela empresa não foi afetada.

Cadeias de televisão indianas mostraram uma enorme nuvem de fumo cinzento sobre o local do Serum Institute da Índia, em Pune (oeste), onde se produzem atualmente milhões de doses da vacina Covishield contra o novo coronavírus, desenvolvida pela AstraZeneca e a Universidade de Oxford.

Segundo informação na página eletrónica da emissora NDTV, que cita fontes não identificadas, os bombeiros já estão a combater o incêndio e o local atingido pelas chamas “fica a poucos minutos de carro das instalações onde as vacinas covid são produzidas”.

A pandemia de covid-19, transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019 na China, provocou pelo menos 2.058.226 mortos resultantes de mais de 96,1 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço da agência France-Presse.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.