A 25 de dezembro de 1996, JonBenét Ramsey, uma modelo de apenas 6 anos desapareceu. Os pais receberam um pedido de resgate no valor de 118 mil dólares em troca da criança. Ligaram para 112 e oito horas depois a menina apareceu morta no sótão de casa com sinais de ter sido amordaçada, espancada e violada. Não havia culpados.

Sobre os país acabou por cair a suspeita do assassinato da criança, mas estes não desistiram de provar publicamente que estavam inocentes. O caso foi encerrado sem se encontrarem culpados pelo crime, mas a CBS veio agora tirar este caso do baú, 20 anos depois. Entretanto, já a mãe de JonBenét morreu, em 2006, vitima de cancro nos ovários, sem que se ficasse a saber quem foi responsável pelo homicídio da sua filha.

Para o documentário foram chamados vários investigadores ligados ao caso, e que estiveram no cenário do crime, em 1996. A CBS conseguiu ainda chegar à operadora do 112 que falou com a mãe, depois de esta ter lido o pedido de resgate. Para que a série seja uma reprodução fiel de tudo o que aconteceu, a casa foi recriada com todos os pormenores num cenário em tamanho real e o espetador é convidado a assistir ao processo de resolução do crime.

O trailer desta série já foi revelado na internet:

A estreia está marcada para dia 18 de setembro, nos Estados Unidos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.