De acordo com a diretora do lar da Santa Casa da Misericórdia de Marvão (SCMM), Filipa Tavares, estão infetados “26 utentes e nove colaboradores”, tendo sido detetado o primeiro caso deste surto no dia 30 de novembro.

“O óbito foi registado no início deste mês, uma senhora bastante depende e acamada”, referiu a responsável daquela instituição que conta com um total de 91 utentes e 60 colaboradores.

Desde que o surto foi identificado, a direção da instituição criou uma ala “só para covid”, estando também todas as restantes alas da instituição em isolamento.

“Nós temos uma utente hospitalizada desde ontem [terça-feira], mas, de resto, está tudo [utentes] estável”, acrescentou.

Filipa Tavares, que espera que os utentes e funcionários da instituição voltem a ser testados no sábado, alertou ainda que a falta de mão de obra é outro dos problemas com que a instituição se depara nesta altura.

“Nós temos tido uma equipa fantástica que tem estado quase toda a trabalhar sem folgar já há uma série de dias, temos estado a gerir com os nossos próprios recursos. Já solicitei apoio à Segurança Social, estou à espera que envie”, disse.

De acordo com o relatório publicado hoje pela Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA), na sua página na Internet, o distrito de Portalegre conta com um total de 29 mortes associadas à covid-19 desde o início da pandemia.

No documento é referido que o distrito regista 638 casos ativos, 804 casos recuperados e 39 pessoas internadas nas unidades hospitalares da região.

A lista de casos ativos é liderada pelo concelho de Portalegre, com 244 casos. Seguem-se Gavião, com 55 casos ativos, Crato (51), Castelo de Vide e Marvão com 46 casos cada, Nisa (45), Elvas (40), Alter do Chão (36), Campo Maior (20), Ponte de Sor (15), Arronches (11) e Avis com 10 casos ativos.

O concelho de Monforte apresenta nove casos ativos, Fronteira oito e o concelho de Sousel não apresenta hoje qualquer caso ativo.

A ULSNA indica que foram feitos até hoje 31.810 testes de diagnóstico no distrito.

Portugal contabiliza hoje mais 70 mortes relacionadas com a covid-19 e 4.097 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim diário da Direção Geral da Saúde (DGS).

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 5.192 mortes e 332.073 casos de infeção pelo novo coronavírus, estando hoje ativos 72.181 casos, mais 1.755 em relação a terça-feira.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.