“Amanhã estou em Bragança e Vila Real. Faço o esforço que é minha obrigação por passar por todos os distritos do país e mesmo assim já não tenho tempo de ir às duas regiões autónomas e mesmo assim faço dois distritos num dia, um de manhã e outro à tarde”, afirmou o líder social-democrata, durante uma ação de campanha esta tarde em Viseu.

E continuou: “se eu fosse amanhã a Lisboa fazer o meu décimo debate eu não iria a Bragança nem a Vila Real e sinceramente acho que é mais importante estar em Bragança, Vila Real ou outro distrito qualquer do que pura e simplesmente não ir a esses dois distritos para fazer mais um debate”.

Ainda assim, disse estar na disponibilidade de participar no debate a partir do local onde irá estar na quinta-feira ou de o PSD ser substituído por outro dirigente do PSD.

“Não aceitando nem uma possibilidade nem outra, sinceramente, entre optar pelo décimo debate ou optar por estar em Bragança e Vila Real e ir a todos os distritos de Portugal eu opto por isto e, agora, as pessoas avaliam e dizem bem ou mal daquilo que é a minha decisão”, salientou.

O último debate entre os líderes dos partidos com assento parlamentar decorre quinta-feira de manhã numa emissão conjunta da TSF, Antena 1 e Rádio Renascença, a partir de Lisboa.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.