A Lusa constatou no local que a mala considerada suspeita está a ser objeto de análise pela brigada de minas e armadilhas da Polícia de Segurança Pública (PSP), que não presta declarações sobre o assunto.

Em ação está um dispositivo estimado em cerca de vários elementos da polícia e a equipa cinotécnica, bem como elementos dos bombeiros Sapadores do Funchal.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.