Marcelo Rebelo de Sousa irá deslocar-se ao Panamá a convite do seu homólogo panamiano, Juan Carlos Varela, fazendo escalas em Espanha.

A Jornada Mundial da Juventude é um evento instituído pelo Papa João Paulo II, que se realizou pela primeira vez em 1986, em Roma, e que se repete a cada dois ou três anos, numa cidade diferente do mundo.

No início de dezembro, o Presidente da República comentou a possibilidade de a Jornada Mundial da Juventude de 2022 se realizar em Portugal, considerando que "seria uma magnífica notícia", mas ressalvou que era necessário aguardar pela palavra do papa Francisco.

"A palavra é do Papa Francisco e ele não a dará antes do Panamá, antes das Jornadas de janeiro, vamos esperar", declarou o chefe de Estado aos jornalistas.

O Papa Francisco esteve em Portugal em visita apostólica entre 12 e 13 de maio de 2017, por ocasião do centenário de Fátima.

Essa visita constituiu um momento especial para Marcelo Rebelo de Sousa, que se juntou à celebração religiosa como Presidente da República e "como peregrino" católico, conforme disse na altura.

A autorização para a deslocação do chefe de Estado ao Panamá, entre 24 e 28 de janeiro, a fim de participar neste evento católico foi aprovada hoje pela Assembleia da República, por unanimidade.

O assentimento da Assembleia da República às deslocações do chefe de Estado é uma formalidade imposta pela Constituição, que estabelece que o Presidente da República não pode ausentar-se do território nacional sem autorização do parlamento.

Frequentemente, as datas das deslocações oficiais que são aprovadas pelos deputados incluem, por segurança, um ou dois dias a mais do que o período efetivo da visita.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.