“Falamos (…) de uma muito provável visita oficial a Cabo Verde no mês de abril”, afirmou Jorge Carlos Fonseca, após um encontro com Marcelo Rebelo de Sousa na Presidência da República, em Lisboa.

Durante o encontro, que decorreu ao final da tarde, os chefes de Estado falaram também sobre as relações bilaterais entre Portugal e Cabo Verde, da próxima cimeira entre os dois governos em fevereiro e sobre as “cerimónias fúnebres de Mário Soares”, disse o Presidente cabo-verdiano.

Segundo Jorge Carlos Fonseca, para Cabo Verde foi uma “obrigação moral” estar presente nas cerimónias fúnebres de Mário Soares, não só devido à relação existente entre os dois países, mas também pelo “respeito” que os cabo-verdianos têm pelo antigo Presidente português, que era “um amigo” do país.

Os dois chefes de Estado abordaram também temas relacionados com a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, Guiné-Bissau e Golfo da Guiné.

Jorge Carlos Fonseca deslocou-se a Portugal para participar nas cerimónias fúnebres de Mário Soares, que morreu sábado no Hospital da Cruz Vermelha, em Lisboa.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.