Marques Mendes vai ser o único ex-presidente social-democrata a marcar presença na 14.ª edição da Universidade de Verão do PSD e vai "substituir" a maestrina Joana Carneiro, o nome inicialmente divulgado para o jantar-conferência de quarta-feira.

Segundo fonte da organização, a maestrina não poderá estar presente devido a um impedimento de última hora e, em seu lugar, irá então estar Marques Mendes.

Marques Mendes já participou em edições anteriores do evento, primeiro enquanto líder do partido, e depois também como ‘professor' convidado.

No ano passado, o agora comentador televisivo não esteve em Castelo de Vide, mas o ‘inquérito' a que respondeu no ‘jornal' da Universidade de Verão do PSD acabou por ser notícia, por ter sido o único a falar sobre as eleições presidenciais que se iriam realizar uns meses depois.

Na altura, Marques Mendes defendeu que se existisse mais do que um candidato da área social-democrata nas presidenciais, o partido deveria dar liberdade de voto à primeira volta.

Além do antigo presidente do PSD, entre os ‘professores' da Universidade de Verão 2016 estão o ex-presidente da Assembleia da República Jaime Gama, o líder da oposição grega Kyriakos Mitsotakis, que lidera neste momento as sondagens e a ex-ministra das Finanças e atual vice-presidente do PSD Maria Luís Albuquerque.

Hoje, ao final da tarde, na sessão de abertura da Universidade estará presente o vice-presidente do PSD Jorge Moreira de Silva.

À noite, o primeiro jantar-conferência será com Duarte Freitas, presidente do PSD Açores, arquipélago onde este ano se irão realizar eleições a 16 de outubro.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.