Archana Choudhary estava a sair de casa na noite de domingo com o seu bebé de 15 meses quando um tigre, provavelmente perdido da reserva de Bandhavgarh, os atacou, explicou à AFP o funcionário local Sanjeev Shrivastava.

O felino estava prestes a morder a cabeça da criança quando a mãe interveio, acrescentou. O tigre continuou a atacá-los, até que alguns aldeões, alertados pelos gritos da mulher, correram em seu auxílio.

O animal fugiu para a floresta. A mãe teve os pulmões perfurados e também feridas no abdómen, ao passo que o menino teve cortes na cabeça feitos pelas presas.

"Ela foi internada no hospital. Está fora de perigo e recuperar. O bebé também está bem", garantiu Shrivastava.

De acordo com o jornal Times of India, uma operação foi realizada para ajudar o tigre a retornar ao seu território e os moradores foram solicitados a não sair à noite.

Cerca de 225 pessoas foram mortas em ataques de tigres entre 2014 e 2019 na Índia, segundo dados do governo.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.