“Todos os dias há declarações da União Europeia. Dizem-me que amanhã a UE fará umas declarações estúpidas sobre sanções contra a Venezuela. São estúpidas, eu classifico-as assim”, disse Nicolás Maduro no programa radiofónico e televisivo “Os Domingos com Maduro”, transmitido através das rádios e televisões estatais.

A posição de Caracas ocorre depois de a imprensa local dar conta de que a UE prepara a imposição de sanções contra o Governo venezuelano, que incluem um embargo de armamento.

As sanções, que se prevê que venham a ser anunciadas hoje, incluem ainda a proibição de exportar para a Venezuela equipamentos que possam servir para escutar e intercetar as comunicações eletrónicas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.